Advogado online é seguro? Veja 10 dicas para a contratação!

Você já procurou um advogado online e ficou em dúvida sobre a segurança dessa contratação?

Ou mesmo se o advogado era realmente o que dizia ser?

Como posso consultar para saber se a pessoa realmente é um profissional reconhecido e especializado?

Como tirar essa prova real e não ser enganado?

Neste artigo, você verá não só as vantagens de se realizar uma contratação online, como também dicas de segurança e como deveria funcionar exatamente esse serviço.

1. Riscos da contratação de um advogado online

Atualmente, vivemos em uma sociedade extremamente informatizada e o aumento da contratação de serviços online é uma consequência natural e, inclusive, aconselhável.

A desconfiança é comum, já que, todos os dias, nos deparamos com notícias tristes de golpes e fraudes no ambiente virtual.

Não há nada de errado nisso. Afinal, não vou mentir, existem sim “profissionais” tentando se aproveitar e tirar vantagem da fragilidade das pessoas para conseguir dinheiro a qualquer custo.

Ainda mais em se tratando de um serviço que se baseia estritamente na confiança.

O seu advogado terá contato com seus documentos pessoais, informações íntimas e sigilosas sobre a sua vida. Inclusive do problema que lhe está afligindo e que motivou a procura pelo profissional.

Por conta disso, você deve se assegurar de que o profissional é realmente o que diz ser e é realmente o indicado para cuidar do seu caso.

Infelizmente (me dói dizer isso), mas todo cuidado é pouco!

2. Vantagens da contratação de um advogado online

Feita essas considerações a respeito dos riscos, vamos falar de 6 vantagens da contratação de advogado online.

2.1. Velocidade

Inegável que a contratação de advogado online é muito mais rápida: as trocas de mensagens são instantâneas e o envio de documentos pode ser feito em um único click!

2.2. Praticidade

Além de rápido, também é bastante prático. Você consegue contato com o profissional mesmo deitado de pijama em sua cama. Tem coisa melhor?

2.3. Menor custo

Justamente por não se considerar os gastos com deslocamento desnecessários, aluguel de salas de reuniões e a contratação de profissionais para limpeza, atendimento e serviços gerais, a contratação de advogados online tende a ter um custo bem menor.

2.4. Facilidade de contato com o advogado online

Da mesma forma, o advogado contratado pode contatar o cliente rapidamente, sem a necessidade de aguardar horário em agendas superlotadas.

Isso é ótimo para o caso do profissional precisar avisar ao cliente dos andamentos de seu processo.

Contato fácil, rápido e instantâneo.

2.5. Transparência

Teoricamente (desde que siga nossas dicas), o cliente tem mais condições de averiguar a situação de seu processo e verificar se a condução do mesmo está sendo feita de modo apropriado.

2.6. Possibilidade de ter um advogado renomado mesmo não morando na mesma cidade (o processo eletrônico permite isso)

Atualmente, com o advento do processo eletrônico, qualquer advogado pode ingressar com qualquer ação em qualquer Estado da Federação.

Ou seja, todo e qualquer processo é digitalizado e permite o acompanhamento remoto pelo seu advogado de confiança.

Sim, meus caros, estamos em outros tempos. Processo em papel está em extinção e em um ritmo acelerado.

Isso também permite a você fazer a contratação de um renomado advogado de um grande centro de produção acadêmica e jurídica sem sair de casa e pagando um preço justo.

3. Como fazer a contratação de advogado online de forma segura?

Após falar sobre os riscos e vantagens, vamos às dicas para uma contratação segura de um advogado online.

3.1. Dica 1: Consulte o site

Antes de mais nada, consulte o site do escritório do profissional em que você está estudando a contratação.

Veja se está bem organizado, se possui o detalhamento das áreas de atuação, nome dos profissionais, número de inscrição na OAB, endereço, telefone e as redes sociais.

3.2. Dica 2: Veja se o site do advogado online tem um certificado SSL e uma Política de Privacidade

Isso parece irrelevante e facilmente passa despercebido, mas o certificado de segurança SSL é a garantia de que seus dados estão protegidos ao realizar a navegação dentro do site do escritório.

Além do que, a Política de Privacidade mostra que o profissional está atualizado com as diretrizes da recentíssima Lei Geral de Proteção de Dados.

3.3. Dica 3: Sede física

O escritório de advocacia precisa ter um endereço comercial, já que é um dos requisitos para a obtenção do alvará de funcionamento junto à prefeitura.

Isso é imprescindível, inclusive para emissão de notas fiscais.

Desconfie, imediatamente, caso não veja nenhum endereço profissional ou sede física no site que esteja consultando, pois se não houver, também não haverá alvará de funcionamento.

Uma simples consulta do endereço no Google já deve ser suficiente para você tirar essa dúvida.

3.4. Dica 4: Veja se o advogado online tem experiência e autoridade na área

Todo e qualquer profissional da área jurídica possui uma área de atuação. Não existe, e, repito, não existe um advogado que cuide de todos os temas do direito.

Todos nós estudamos o básico de cada uma dessas áreas na faculdade, mas a prática é outra história.

E como se você fosse em um médico cardiologista para cuidar de seu joelho ou de sua garganta. No direito isso também se aplica.

Isso é extremamente importante, pois você encontra por aí profissionais atuando em 10 áreas diferentes. Desconfie! Esses “generalistas” podem até tentar, mas a qualidade e o foco em cada uma delas vão ser precários.

Em qualquer coisa da nossa vida, não se pode ser bom em tudo. E aqui não é diferente. Se o profissional promete cuidar de TODOS os seus problemas, provavelmente irá cuidar de forma descuidada e deixar passar aspectos importantes.

Veja o conteúdo que o advogado disponibiliza no blog de seu site e nas redes sociais.

Assista, leia e pesquise se esse conteúdo está de acordo com a sua demanda.

3.5. Dica 5: Analisar o currículo dos advogados (LinkedIn)

Continuando o paralelo entre os médicos, só se considera um otorrinolaringologista, quem fez residência em otorrino, certo?

No direito isso também se aplica. O especialista deve ser considerado avaliando tanto a atuação/experiência, quanto aos conteúdos acadêmicos produzidos e, não menos importante, os cursos, as especializações e pós-graduações do profissional.

Quanto maior a especialização do profissional no assunto da sua demanda, maiores serão suas possibilidades de sucesso na via judicial. Diria até, sem medo de errar, que essas chances aumentam exponencialmente.

Uma rápida consulta à rede social LinkedIn é suficiente para verificar todo o histórico profissional e as especializações do advogado.

O LinkedIn é gratuito e não precisa de registro prévio para visualizar os currículos.

3.6. Dica 6: Regularidade de cadastro junto à OAB (tanto do advogado online quanto da sociedade)

Em qualquer lugar do mundo, o advogado precisa completar diversos requisitos para ser considerado como tal. Aqui no Brasil não é diferente.

Certifique-se que o seu advogado lhe forneça o número de inscrição na OAB. É o mínimo do mínimo.

Para descobrir ou se certificar se a pessoa é realmente quem diz ser, basta acessar o site do Cadastro Nacional dos Advogados, digitar o nome completo ou o número de inscrição para saber a regularidade da situação do profissional junto ao órgão de classe.

Todos os advogados do Brasil estão registrados nesse site, sem exceções.

advogado online

Você também consegue consultar a situação de regularidade do escritório de advocacia vinculado ao profissional no Cadastro Nacional de Sociedade de Advogados.

Se estiver tudo ok, você deve encontrar dados como o número de inscrição do escritório, Estado, Situação (ativo ou inativo), endereço, telefone e os profissionais vinculados (sócios e associados). Mais transparente impossível, meus amigos.

advogado online 2

Se você não sabe sequer o nome completo do seu advogado, nem o número de inscrição dele, desconfie! Você pode estar lidando com uma pessoa em situação irregular (que não pode exercer a advocacia) ou até mesmo por um estagiário ou, pior, por alguém que finge ser advogado.

OBS.: Para fazer as consultas, não é necessário ter todos os dados, ou mesmo o nome completo do profissional ou o escritório. A buscar é bem ampla.

3.7. Dica 7: Domínio de e-mail

Visando a coerência na atuação do profissional, desconfie de e-mails pessoais e com domínio em redes comuns como: Gmail, Hotmail, Uol, Yahoo, etc.

Procure por profissionais que possuam e-mails estabelecidos dentro do domínio do site do escritório como: “joão@silva&silva.com.br” por exemplo.

Isso somado ao certificado de segurança SSL demonstram o profissionalismo do advogado que você está lidando.

3.8. Dica 8: Fuja de empresas que prestem serviços jurídicos sem identificação dos profissionais

Por tudo já falado, fica óbvio que não recomendo o contato com “empresas” que prestem serviços jurídicos sem uma identificação clara dos profissionais.

Essas “empresas” sempre oferecem mil e uma vantagens, e, no final das contas, colocam você para conversar com um robô (bot). Desconfie e fuja disso!

É uma atuação extremamente relapsa, em que, no melhor dos mundos, você será considerado mais um número.

Da mesma forma, imobiliárias que prestam serviços jurídicos ou advogados que prestam serviços de corretor de imóveis. É ilegal e considerado como venda casada, passível de denúncia e possibilidade de suspensão da carteira do profissional.

3.9. Dica 9: Avaliação em redes sociais e Google My Business é facilmente manipulável

Alguns consideram isso um fator relevante, no entanto, essas avaliações são facilmente manipuláveis. Basta pedir a amigos e familiares para darem a nota máxima e pronto.

Fora os que podem contratar robôs/fakes para fazer volume de votações de notas máximas.

Isso não significa proficiência técnica.

3.10. Dica 10: Exija saber quem é o advogado online responsável pelo seu caso

Por fim, a advocacia é uma relação pessoal, intransferível e de extrema confiança entre as partes.

Não se sujeitem a ter seu caso cuidado apenas por robôs (chat-bot), estagiários ou funcionários que não sejam advogados.

Saiba quem é o responsável técnico pelo seu caso.

4. Contratar um advogado online: como funciona?

Após passar esse pente fino e escolher o profissional ideal para o seu caso, como vai funcionar?

4.1. Passo 1: Avaliação do caso sem compromisso

Responda algumas perguntas sobre o seu caso sem compromisso e descubra se você teria direito ao que está pleiteando.

4.2. Passo 2: Envio de documentos

Envie os documentos necessários para a comprovação do seu direito de forma 100% online.

4.3. Passo 3: Assinatura do contrato

Com o Ok de ambas as partes, haverá a assinatura do contrato.

Leia tudo e com calma! Guarde uma cópia com você.

4.4. Passo 4: Ingresso da demanda judicial ou procedimento administrativo

Com uma cópia do contrato em mãos, é só aguardar a sua equipe jurídica contratada confeccionar e instruir seu processo judicial ou administrativo.

4.5. Passo 5: Acompanhamento do processo ou procedimento

Periodicamente, sairão novos andamentos e é dever do profissional contratado avisar seus clientes e explicar todos os próximos passos.

5. Conclusão

Todo cuidado é pouco!

Fazer a contratação de qualquer advogado, seja online ou pessoalmente, requer cuidados especiais.

Neste artigo, passamos por todos os pentes finos para que a sua contratação seja a mais segura possível.

Relembrando que a escolha do advogado ou escritório é muito importante, porque pode resultar tanto em grandes lucros como em grandes perdas. A qualidade do profissional e a forma como conduz o seu atendimento devem ser um diferencial nessa escolha.

Espero ter ajudado, nos vemos nos próximos artigos. Um abraço!

Obs: Todas as informações contidas nesse artigo estão em estrita consonância com a Resolução nº 02/2015 do CFOAB e devem (ou deveriam) estar sendo respeitadas por todos os prestadores de serviços advocatícios no ambiente virtual.

Gustavo Da Costa Lima - Affonso e Lima Advogados - Somos especialistas em Direito Digital e auxiliamos Influencers, Youtubers e outras pessoas e empresas em todas as suas necessidades jurídicas.
Gustavo Da Costa Lima

MBA – Gestão de Negócios (USP). Especialista em Direito Civil e Empresarial (PUC-Minas). Graduação em Ciências Jurídicas e Sociais (UFRJ). Agraciado pelo Reitor da UFRJ com a dignidade acadêmica no grau Cum Laude. Civil Liberties (Princeton University). Contract Law: From Trust to Promisse to Contract (Harvard University). Successful Negotiation: Essential Strategies and Skills (University of Michigan). Contratos: Negociações Preliminares (FGV). Provas Digitais e Tutela de Direitos em Redes Sociais (Escola Superior de Advocacia Nacional). Idiomas: português, inglês e espanhol.

Somos especialistas em Direito Digital.